Agro Plant Ñuble 2021 projeta 1º encontro presencial da agricultura em Chillán

Nos dias 17 e 18 de novembro será realizado este encontro internacional, que em sua 6ª versão está comprometido com o retorno das atividades presenciais na agricultura, estrelando os viveiros da região de Ñuble.

Viveros de Chile (AGV) lançou oficialmente o Agro Plant Ñuble 2021 Convenção e Feira Internacional, que este ano reunirá a agricultura do centro-sul no MDS Hotel em Chillán, um evento que assume o formato presencial e que se desenvolverá através de palestras, painéis de discussão e entrevistas, também transmitidos ao vivo desde a Canal do YouTube de Viveros de Chile.

O encontro reunirá mais uma vez importantes lideranças da agroindústria, viveiristas, consultores, fruticultores, fornecedores de insumos, serviços e tecnologias.

Será uma oportunidade imperdível para gerar contatos, trocar ideias, conhecer as últimas novidades varietais e promover o crescimento e o desenvolvimento da fruticultura na América Latina. A atividade, que ocorrerá em 2 dias, dará ênfase aos aspectos comerciais e técnicos do novo cenário mundial do cultivo da cereja, bem como às novas tendências de melhoramento genético e mecanização das lavouras. “Queríamos focar nesta espécie, que é de especial interesse para a região centro-sul do país, pois vive um momento difícil na sua produção e comercialização e é necessário dar mais certezas para que os produtores possam continuar a apostar com sucesso no cultivo ", afirmou o gerente geral da Viveros de Chile, Maritrini Lapuente. A convenção também tratará de temas sobre mudanças climáticas e gestão da água, mecanização de lavouras, gestão de recursos humanos no campo, entre outros. Comentários de Lapuente.

“Será uma ocasião especial de reencontro em meio a um cenário mundial desafiador. Vamos nos reunir em um espaço amplo e seguro, respeitando todos os protocolos sanitários que a ocasião merece e vamos aproveitar para abordar temas tão importantes para a região como a qualidade e sustentabilidade das plantas, tendências em nozes e mirtilos e novas tecnologias. para a agricultura do futuro ”, afirmou o presidente do sindicato, Cristian Pichuante.

Por sua vez, o Diretora da ProChile Ñuble, Ingrid Quezada, destacou que como ProChile estão sempre focados em apoiar PMEs exportadoras e novos players que queiram entrar no mercado pela primeira vez, portanto, este evento é muito significativo para toda a indústria agroexportadora não só de Ñuble mas também, para all Chili. “Esperamos que no próximo ano o Ñuble continue a sediar este evento, como um escritório de apoio convocando importadores que possam participar presencialmente da convenção e do congresso empresarial, já que estamos formulando um novo projeto com o apoio do governo regional”

O evento presencial terá uma capacidade reduzida para a convenção e um amplo espaço ao ar livre onde os diferentes fornecedores agrícolas podem participar confortavelmente com os seus produtos e serviços.

O evento também contará com uma Rodada Internacional de Negócios, onde os viveiros poderão se reunir virtualmente com vários líderes da indústria mundial de agroexportação.

Registro e mais informações em www.agroplantñuble.cl

Artigo anterior

próximo artigo

POSTAGENS RELACIONADAS

A agricultura regenerativa deve crescer ou morrer

A produção mexicana de mirtilo ultrapassa 50.000 toneladas

Chile: Humboldt Shipping Union anuncia greve de Arica a Punta Arenas