Mirtilos e cerejas: Qual é a diferença da nomeação de 13 de abril?

A nomeação de 13 de abril, no contexto do XXV Seminário Internacional sobre Mirtilos e Cerejas, não é apenas uma atividade que não pode faltar, mas também é insubstituível na agenda de atividades da indústria chilena de frutas, especialmente a do mirtilo e agora, como safra convidada, cereja.

A agenda da indústria do mirtilo e da cereja está repleta de atividades atrativas a curto prazo e seguramente manter-se-ão no resto do ano, mas é de realçar o contributo que dão para o desenvolvimento da atividade frutícola em qualquer uma das suas vertentes.

É o caso de XXV Seminário Internacional de Mirtilos e Cerejas que terá lugar no dia 13 de abril, por se tratar de uma atividade que há mais de uma década vem proporcionando o conhecimento mais relevante aos diferentes intervenientes nas culturas, promovendo a permanente profissionalização da atividade, informando sobre novas pesquisas e produtos afins, colaborando permanentemente para aumentar a demanda e alavancar o resultado comercial da fruta no mercado internacional.

Tornar a indústria transparente

A nomeação de 13 de abril se destaca por abordar em sua programação os aspectos mais importantes relacionados às lavouras e sua comercialização, enfatizando a transparência do setor como um negócio sustentável e fazendo uma análise completa da rentabilidade econômica da atividade. Será um exercício muito importante para os produtores e empresários agrícolas que participarem do encontro e uma grande contribuição para planejar as atividades futuras relacionadas ao setor exportador de forma mais completa e viável.

viagem e chegada

A qualidade da fruta e sua chegada em boas condições a mercados distantes é fator vital para a fruticultura exportadora. A boa chegada ao destino e sua distribuição ao consumidor final é um objetivo estratégico para produtores e exportadores.

No encontro de 13 de abril, está previsto tratar da seleção, embalagem, transporte terrestre e marítimo, condições de viagem da fruta e distribuição do produto ao consumidor final, nas palestras:

“Pós-colheita da cereja: experiência da safra 2022/23”; "Tudo ou nada: otimizando a pós-colheita para frutos de qualidade"; “Gestãos a ter em conta para garantir uma boa chegada aos mercados de destino”; "Inovações em tecnologias pós-colheita para cerejas destinadas a mercados distantes"; e “Chegadas de frutas chilenas aos mercados internacionais: principais problemas da última temporada”.

 

oferta varietal

No mesmo objetivo de aumentar a competitividade da indústria chilena, busca-se uma genética vegetal que ofereça boas condições para a chegada da fruta aos mercados mais distantes. Com estas novas variedades de mirtilos e cerejeiras procura-se uma maior competitividade da atividade, maior calibre do produto, mais precocidade, resistência da planta a pragas e doenças, melhor sabor do fruto e maior firmeza.

Neste tema, diferentes palestrantes apresentarão os temas "Novas alternativas varietais para o Chile" e "Novas variedades de cerejeira para produção precoce e tardia".

Os sinos

Complementando a programação do encontro do dia 13 de abril, inicialmente haverá uma análise detalhada do setor e do mercado de cada safra, tanto na sala de conferências dedicada aos mirtilos quanto na das cerejas, avaliando safras passadas e projetando novas campanhas como preciso e eficiente possvel.

No extenso programa, que será conduzido por vinte relatores nacionais e internacionais, serão discutidos os vários manejos agronômicos, tanto em nutrição, irrigação, polinização, colheita, logística e tudo relacionado às lavouras. Aspectos relacionados ao uso de novas tecnologias para maior controle, precisão e desempenho da atividade, entre muitos outros temas, também serão abordados.

Em resumo, a nomeação de 13 de abril, no contexto do XXV Seminário Internacional sobre Mirtilos e Cerejas, não é apenas uma atividade que não pode faltar, mas é inconfundível e insubstituível na agenda de atividades da indústria frutícola chilena, especialmente mirtilo e cereja.

Pegue seu ingresso Aqui

Mais Informações: contato@blueberriesconsulting.com / +56 9 3469 3871.

fonte
Consultoria Blueberries

Artigo anterior

próximo artigo

POSTAGENS RELACIONADAS

Cerejas chilenas: uma temporada discutível
Os mirtilos de Yunnan estão atualmente em sua última temporada...
Agrivoltaicos para frutas vermelhas