SAG informa sobre o início de candidaturas contra a Lobesia botrana, primeira geração na região de Coquimbo

O Programa Nacional de Lobesia botrana (PNLb) informa que a partir do 5 de setembro, será possível realizar as aplicações para o controle da praga na primeira geração em vinhedos que estão dentro da área de controle. Os tratamentos devem ser iniciados, desde que a variedade a ser aplicada esteja presente de forma majoritária, um pedúnculo ou um grupo separado. Desta forma, as aplicações devem começar nas primeiras variedades da fazenda ou vinhedo.

Em propriedades onde programas convencionais ou orgânicos são implementados, dependendo dos períodos de proteção de cada produto, os aplicativos necessários devem ser feitos para cobrir 30 dias ininterruptamente desde o início da primeira aplicação feita.

Para que não haja momentos de desproteção em seu cultivo, a PNLb sugere iniciar aplicações sucessivas um dia antes do final do período de proteção do produto anterior aplicado. Informações sobre os períodos de proteção de pesticidas estão disponíveis no site do Serviço, www.sag.cl.

De acordo com o SAG, o primeiro pedido deve terminar em todas as vinhas ou propriedades sob controle obrigatório, o mais tardar até o 16 de setembro de 2015.

A entidade também indica que é da responsabilidade do produtor respeitar os LMR, dependendo do destino da fruta ou finalidade de produção, e que deve notificar o Gabinete Nacional de Programa da Lobesia botrana (PNLb) correspondente à sua jurisdição pelo menos 48 horas antes para iniciar cada aplicativo.

 

Fonte: SimFRUIT

Artigo anterior

próximo artigo

POSTAGENS RELACIONADAS

No Chile, neste 11 de abril, duas indústrias de sucesso se encontraram
O Instituto de Extensão de Ciências Agrárias e Alimentares da Universidade...
Cerejas, uma temporada de sucesso que será analisada no encontro deste 1...